Rajas Agni - Departamento de mantra

Rajas Agni - Departamento de mantra

Escolas/colégios nas proximidades

United School
United School
Rua Gago Coutinho

Comentários

For all of my friends here I would like to dedicate this one with my love and respect for you all!
ESPAÇO CULTURAL – ASHRAM PASHUPATI
SESSÃO DE YÔGA CINE – DUNE
30/Outubro/2015

“Novas experiências são necessárias, estimulam a mente profundamente ajudando-a a amadurecer. Sem a mudança alguma coisa adormece dentro de nós que raramente desperta.
O adormecido deve despertar.”

Dune é um filme do realizador David Lynch, do ano de 1984. Baseado num romance com o mesmo nome, de Frank Herbert, de 1965. No ano em que se passa a história seria de pressupor que a evolução da humanidade não se basearia num regime político-feudal, mas também em 1965, a novidade do autor em referir aspectos ecológicos e biológicos, num futuro em que a escassez de água existiria ou seria um bem essencial é quase como ele próprio tivesse despertado e se permitido libertar em Dune. Vislumbres de consciência, ou talvez não.
Uma história de ficção científ**a que embora não agrade a todos, é relevante para os estudiosos e para nós, que estudamos o Yôga Antigo, e que nela se encontram técnicas e conjunturas que observamos nesta filosofia.
Salientamos que nas sessões do Departamento de Yôga Cine são vistos filmes que, e independentemente das preferências cinéfilas de cada um, focam temáticas e aspectos com os quais identif**amos na prática do Yôga.
E que vemos? Quase como se cada um fosse o adormecido e, a luz e a escuridão que vive em si mesmo, uma luta diária rumo à consciência, ao despertar.
Se a mulher é a iniciadora, aquela que transmite o conhecimento e prepara o escolhido para o seu dever; a água da vida o faz despertar afim de contemplar o que já intuía anteriormente, mas ainda não compreendia. Tal como o iniciado, que morre e nasce duas vezes. Capaz de controlar a mente e resistir a máya – a ilusão. Capaz de ser resistente e combativo com a sua armadura, mas entender que o subtil é mais forte que o duro aço. Capaz de ensinar e usar técnicas como a vocalização, empregando a sua força para a destruição dos opulentos e hábil e potente para controlar os vermes. Quase como se vermes fosse tudo aquilo que de mais negro existe no ser humano, a escuridão baseada no medo, na ignorância, na cobardia, no não capaz… e, que ao controlá-la conseguisse atingir o máximo de si, e como guerreiro, dar a vitória aos justos. Uma subtileza expressiva num contexto visual intenso de sons, simbologia ténue, os opostos luz e trevas, a música melancolicamente impressa, faz deste filme – Dune – o lugar onde a memória pode voltar para se transcender a si mesma.
Um filme incompreendido na sua dimensão mas simbólico na delicadeza das acções.
Agradeço ao nosso querido Mestre João Camacho por sempre nos indicar o caminho de mão direita, fazendo-nos compreender antes da incompreensão.

SwáSthya!

Carmen Ezequiel, Sádhika
Espaço Cultural – Ashram Pashupati
REUNIÃO DO DEPARTAMENTO DO CÍRCULO DE LEITURA
22/MAIO/2015

TEXTO II

ABÛ AL-ASBAG IBN AL-JATIB
(Sevilha, século X)

Entre mortos imóveis, sou o único vivo,
O único acordado num tempo que dorme;
Vou pelo mundo e vejo apenas
Seres adormecidos
Como os da cave de al-Raquim.
Desapareceram os sinais
Da cultura e os conhecimentos que foram meus
E sobrevivo
Como pegada do passado.

[Tradução de Francisco José Viegas], in Cem poemas para salvar a nossa vida, pág. 12
Mantra do mês de Abril: ÔM asatôma

ÔM asatôma sadgamaya
Tamasôma Jyôtirgamaya
Mrityôrma Amritamgamaya
Apresentação do Grupo Coral do Montijo e do Maestro José Balegas
O Grupo Coral do Montijo completa no próximo mês de março 7 anos de existência.
É um coro polifónico constituído atualmente por 35 elementos (26 elementos do s**o feminino e 9 do s**o masculino).
Tem como diretor artístico, desde a sua fundação, o Maestro José Manuel Balegas Gonçalves.
Apresenta um repertório variado, do clássico ao contemporâneo com particular incidência na música popular portuguesa.
Tem vindo a afirmar-se como um grupo dinâmico e predisposto a apostar em projetos musicais criativos e inovadores.
Em 2010, por ocasião do Centenário da República, desenvolve um projeto musical inédito: “Da Coroa ao Cravo” uma representação cantada do ambiente político e social, do período que vai do final da Monarquia até à Revolução do 25 de Abril.
Em 2012, avança com um novo projeto - “Cantar Simone” - um espetáculo musical encenado baseado em canções marcantes do repertório de Simone de Oliveira com letras e músicas de autores portugueses e a participação especial de Simone de Oliveira e do Maestro Nuno Feist.
Ao longo destes seis anos, o Grupo Coral do Montijo tem revelado uma atividade bastante intensa e diversif**ada, tendo realizado já 108 espetáculos, um pouco por todo o país. Este Grupo está sob a direção do …


MAESTRO JOSÉ MANUEL BALEGAS GONÇALVES

Iniciou os seus estudos musicais na Banda Filarmónica de Samouco. Integrou a Banda de Música da Força Aérea Portuguesa em Trompete, estando atualmente já aposentado.
Desenvolveu os seus estudos musicais na Academia de Amadores de Música e no Instituto Gregoriano de Lisboa, e posteriormente na Escola Superior de Música de Lisboa (Bacharelato em Direção Coral) e na Universidade Nova de Lisboa (Licenciatura em Ciências Musicais).
Lecionou na Academia de Música do Centro Cultural de Beja e na Escola Profissional de Almada.
Como Tenor integrou o Coro da Universidade de Lisboa, o Coro de Câmara da Academia de Amadores de Música de Lisboa e Coro Gregoriano de Lisboa.
Como Diretor Coral dirigiu o Coro da Junta de Freguesia de Alcântara, o Coro da Sociedade de Instrução Musical da Quinta do Anjo, o Coro da Academia de Instrução e Recreio Familiar Almadense, o Coro Académico Egas Moniz e o Grupo Coral de Mafra.
Atualmente dirige o Grupo Coral do Montijo, desde a sua fundação, em 2007 e a Tuna Camoniana “In Vino Veritas” da Universidade Autónoma de Lisboa.
Curso de iniciação às tabla - 7 de Setembro de 2013
As tabla são um instrumento de percursão, composto pela daya de madeira, que f**a do lado direito e pela baya de metal, que f**a à esquerda. As suas peles são de cabra. São instrumentos que apesar de parecerem simples, são extremamente complexos de tocar, pois exigem muito treino de coordenação das mãos e dedos. É impressionante percebermos a dificuldade que pode ser movimentar ao mesmo tempo as mãos, de maneira diferente e os dedos de cada mão a fazerem coisas diferentes também, inicialmente torna-se até frustante, mas muito desafiante! Experimentámos exercícios básicos e visualizámos vídeos de uma enorme complexidade com Shrí Tulankar, um grande Mestre indiano deste instrumento. Por fim terminámos com a bela conjugação do mantra, com a Professora Anabela como solista e o Instrutor Júlio nas tabla.
SwáSthya!

Directora: Professora Anabela Duarte da Silva
Divulgar as actividades do Departamento de Mantra do A

Funcionando normalmente

Omkaaraaya Namaha 15/03/2022

Omkaaraaya Namaha Provided to YouTube by BMG Rights Management (UK) LimitedOmkaaraaya Namaha · Ravi ShankarChants of India℗ 2010 G.H. Estate Limited, under exclusive license t...

23/12/2021
08/06/2021

01/03/2020

Mantra do mês (Março, 2020)
Gáyatrí Mantra

ÔM BHUR BHUVAH SWAH
ÔM TAT SAVITURA VARÊNYAM
BHARGÔ DÊVASYA DHÍMAHI
DHYÔ YÔ NAH PRACHÔDAYÁTÔ

07/02/2020

Mantra do mês (Fevereiro, 2020):
Hara, Hara, Shankaráchárya.

12/11/2019

Mantra do mês de Novembro - 2019:
ÔM namah Kundaliní

11/10/2019

Mantra do mês de Outubro - 2019:

Jaya Krishnaya, jaya Rámakrishnaya,
Rámakrishnaya, jaya Krishnaya jaya

02/09/2019

Mantra do mês de Setembro - 2019:
Hara, Hara, Shankaráchárya

01/08/2019

Mantra do mês, Agosto/2019::

ÔM Shiva, ÔM Shaktí
Namah Shiva, namah Shaktí

07/07/2019

Mantra do mês, Julho/2019:

ÔM Jay Guru
Srí guru
ÔM jay

VII Encontro de Coros de São Miguel de Odrinhas 26/02/2019

Alguns momentos do VII Encontro de Coros de S. Miguel de Odrinhas. Organizado em parceria entre o Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas e o Espaço Cultural - Ashram Pashupati. Neste VII Encontro participaram o coro CantoRio de Rio Maior, o Grupo Coral de Mafra e o Coral Rajas Agni, que apresentou um recital de mantra. Estes encontros integram-se nas comemorações do aniversário de Shrí DeRose, que celebra o seu nascimento a 18 de Fevereiro.

13/12/2018

Mantra do mês de Dezembro de 2018:
ÔM Shiva, ÔM Shaktí, namah Shiva, namah Shaktí

01/11/2018

Mantra do mês de Novembro de 2018:
ÔM Jay Guru, Shrí Guru, ÔM Jay

17/10/2018

Mantra do mês (Outubro/2018)

Sita Rám

Sita Rám, Rám, Rám, rája Rám, Rám, Rám (2x)
Narayan, Narayan, Narayan (2x)

22/09/2018
Quer que o seu escola/colégio seja a primeira Escola/colégio em Montijo?

Clique aqui para solicitar o seu anúncio patrocinado.

Vídeos (mostrar todos)

ÔM namô namah Shivaya
Hara Gavô
Gôvinda Narayana
Gôvinda Naráyana
Mahá Shaktí
Ádi Shaktí; ÔM namah Shivaya
Bhaja Bhakata & Arati

Localização

Categoria

Telefone

Website

Endereço


Rua Gago Coutinho, N. º 50
Montijo
2870-330
Outra Escola em Montijo (mostrar todos)
Bibliotecas Escolares do AEPJS Bibliotecas Escolares do AEPJS
Alameda Drive José Manuel Afonso Dos Santos
Montijo, 2870-802

Rede Social das Bibliotecas Escolares AEPJS

Miúdos e Graúdos Miúdos e Graúdos
Avenida João XXIII 329
Montijo, 2870-159

Centro de Estudos https://www.facebook.com/miudos.graudos.5

United School United School
Rua Gago Coutinho, 112
Montijo, 2870-330

A United School é um instituto de línguas credenciado pela DGERT. Os nossos cursos seguem o mesmo

Tabelas & Vocábulos - Centro de Estudos e OTL Tabelas & Vocábulos - Centro de Estudos e OTL
R. Rui PIna Nº184 (frente Ao E. Leclerc. )
Montijo

Mais do que um serviço, uma relação FORTE!

Escola de Condução Road Safety Escola de Condução Road Safety
Rua Gazeta Do Sul, N. 70
Montijo, 2870-826

Formação de condutores/ Escola de Condução

ClaudiaBorralho ClaudiaBorralho
Avenida D. Afonso V
Montijo, 2870-065

Uapeecm - União das Associações Pais EE Concelho do Montijo Uapeecm - União das Associações Pais EE Concelho do Montijo
Rua Do Tarrafal
Montijo, 2870

União das Associações de Pais do Concelho do Montijo

Caderno Aberto Caderno Aberto
Largo Dos Pescadores, 4
Montijo, 2870-191

Gáyatrí - Departamento de meditação Gáyatrí - Departamento de meditação
Rua Gago Coutinho, N. º 50
Montijo, 2870-330

Directora executiva: Professora Anabela Duarte da Silva Estudo das técnicas de meditação. A medit

Tándava. Departamento de ásana Tándava. Departamento de ásana
Rua Gago Coutinho, N. º 50
Montijo, 2870-330

Página do departamento de ásana do Ashram Pashupati. Director: Mestre João Camacho

Academia Vriksha Bonsai Academia Vriksha Bonsai
Rua Gago Coutinho, N. º 50
Montijo

A nossa missão é o desenvolvimento de uma escola que promoverá o estudo, o ensino, o desenvolvime

100PorCento 100PorCento
Praceta Cidade De Braga, 71
Montijo, 2870

O 100PorCento é um centro de apoio pedagógico com serviço de transporte. No nosso espaço poder?